quarta-feira, 30 de setembro de 2009

FILME, SHOWS, MULHERES E LIVROS INTERESSANTES




PARTE I 





Hoje tem Sessão de Gala de Sonhos Roubados no Cine Odeon, com direito a festinha depois. Vai ser a primeira vez que verei o filme em tela grande, com o som mixado. A música que compusemos, João Nabuco, Eugenio Dale e eu, abre e fecha o filme.

Dirigido por Sandra Werneck, Sonhos Roubados é baseado no livro As Meninas da Esquina, de Eliane Trindade, e conta a história de três garotas da periferia do Rio de Janeiro, vividas pelas atrizes Nanda Costa, Amanda Diniz e Kika Farias. Completam  o elenco Marieta Severo, Daniel Dantas, Ângelo Antonio, Zezeh Barbosa e MV Bill.

Depois de haver acompanhado por um ano a vida de adolescentes grávidas no documentário "Meninas", a diretora Sandra Werneck, que já deixara sua assinatura em Cazuza , Amores Possíveis e Pequeno Dicionário Amoroso,  voltou ao tema da juventude conturbada na periferia das cidades grandes, mostrando a dura realidade de famílias desorganizadas, onde muitas vezes as adolescentes são vítimas de violência doméstica e engravidam precocemente sem muitas oportunidades de melhorarem suas vidas. As três meninas nos papéis principais dão muito bem conta do recado.

Algumas semanas atrás, numa festa da Globo, conheci Nanda Costa, que faz a protagonista e agora está atuando na novela Viver a Vida.  Ela tem um grande talento e carisma, além de ser divertida e dançar muito bem todos os gêneros que tocam na pista, o funk, o samba, a salsa e a  música pop de um modo geral.  Ainda vai dar muito o que falar! Anotem aí.



O show do Projeto Bratuques realizado ontem na Sala Baden Powell foi bárbaro. Banda afiadíssima e Marco Lobo mandando muito bem na linha de frente, tiveram como convidados Toninho Horta, Ná Ozzetti e Alessandro Kramer Bebê (já muito falado nessas páginas).  Ná mandou bem cantando parte do repertório de seu novo disco dedicado a Carmem Miranda. Bebê arrasou nos solos improvisados e melodias. Toninho Horta, mais uma vez, foi extraordinário! 

Para quem ainda não sabe, Toninho tem sido uma de minhas maiores influências musicais. Foi ouvindo sua música Beijo Partido, na voz de Milton Nascimento que, aos 14 anos de idade, resolvi dedicar-me à arte de compor. Depois passei a tirar suas músicas, tarefa nada fácil devido à complexidade harmonica e a sofisticação de seu violão. Ele é um dos grandes do mundo, uma referência para os maiores músicos do planeta. Não há quem não o mencione nos EUA, Europa e Ásia.

 




Houve um ano em que eu estava em tournee pela Europa e em toda cidade que passava, alguém me dizia: quem esteve aqui há uma semana atrás foi Toninho Horta. E assim foi sucessivamente acontecendo em cidades da Italia, Áustria, Alemanha e Inglaterra. Eu sempre me apresentava nos lugares uma semana após a passagem de Toninho pelo mesmo lugar. Uma coincidência bem significativa (sincronicidade?), tendo em conta a importância que ele teve e tem pra mim como músico. Dava-me a sensação de que estava fazendo a coisa certa. Quando cheguei na França ganhei um disco de uma cantora belga. Ao ouvir, identifiquei em 2 faixas um violão muito familiar e sofisticado. Achei que se não fosse o Toninho deveria ser um clone, fui olhar a ficha técnica e era ele. Não é qualquer violonista que tem uma marca pessoal tão forte a ponto de ter seu toque reconhecido no meio de uma música tão complexa em instrumentação.

Alguns anos depois estava na ilha de Maui no Hawaii e ao entrar numa casa de shows chamada Casanova pensei: Ah aqui em Maui o Toninho não esteve. Logo depois vi numa parade um poster seu com uma dedicatória assinada que dizia mais ou menos assim: To my brothers of Casanova with friendship, Toninho Horta.  

Mais uma passagem de tempo e finalmente o encontrei em Los Angeles durante a cerimônia do Grammy Latino onde contei-lhe toda essa aventura. Quem quiser saber mais desse grande músico seguem os links:


http://www.toninhohorta.art.br   

http://www.myspace.com/toninhohorta

www.myspace.com/naozzetti

http://www.alessandrokramer.com.br

 


 

Saí da Baden Powell e fui com Bebê, ao Zozo, nova casa de espetáculos localizada ao lado do bondinho do Pão de Açúcar pegar o ultimo set do show de Hamilton de Holanda

Hamilton é outro gênio!  Nascido em 1977, no Rio, no bairro de São Cristóvão, mudou-se com a família para a Capital Federal no ano de seu primeiro aniversário.  Sua primeira apresentação foi aos 3 anos de idade tocando escaleta com seu pai e seu irmão no Clube do Choro de Brasília.  Com seis anos fez seu primeiro show tocando bandolim.  Tendo também estudado violino e violão, fez sua primeira música, Chorinho pra Pernambuco, aos 10 anos de idade. Também se dedicou a outros gêneros musicais, tendo formado na adolescência um grupo de rock chamado Os Entregadores de Pizza. Depois estudou Composição na Universidade de Brasília, escrevendo ao final do curso um Concerto para Bandolim e Orquestra. De lá prá cá tornou-se um dos mais importantes nomes da moderna música instrumental brasileira, realizando importantes tournês nos quatro cantos do mundo.

mais infos: http://www.hamiltondeholanda.com


Quando chegamos ao Zozo, Mariana Ximenes que, muito querida, me falou também gostar de saraus, estava declamando poemas ao som do bandolim de Hamilton. No seu repertório, pérolas de Ferreira Gullar, Cecília Meirelles, Pablo Neruda e Manoel de Barros, de quem ficou a frase: Não saio de dentro de mim nem pra pescar .

Depois a banda voltou com Daniel Santiago (outra figurinha que está sempre no foco da nossa “Câmera”) , Gabriel Grossi (idem), Bruno Aguilar no baixo e o paulista Alex Buck na bateria, fazendo um  repertório bem brasileiro, incluindo temas de Hermeto Paschoal (que teve canja espetacular do Bebê no acordeão).  



Então Hamilton chamou Mariene de Castro, que estava na platéia pra dar uma canja cantando Dorival Caimmy. Que voz que ela tem! Estrela na Bahia, Mariene ainda não é muito conhecida nos lados de cá. Veio recentemente a convite de Beth Carvalho participar da gravação do DVD da madrinha do samba e, segundo dizem, arrasou. Procurem se informar, porque cantando samba de roda não tem pra ninguém. Mariene é filha de Oxum e linda como sua mãe Orixá, vestida em tons dourados que lhe caem muito bem, com uma presença sensual no palco e uma voz grave e ao mesmo tempo muito feminina. Essa moça é realmente um encanto. Nos conhecemos há uns 4 anos atrás, quando ela ainda era casada com meu parceiro, o compositor Jota Veloso, filho de Mabel Veloso que vem a ser irmã de Caetano e Bethânia. É de Jota a música Santo Antonio que abre o disco Brasileirinho de sua tia Maria.  Em 2006, Mariene chamou-me pra participar de seu show em Salvador no dia 2 de fevereiro, dia de Yemanjá. Cantamos Garganta e outras cositas más. Foi muito bom reencontrá-la ontem. Hoje voltou pra Bahia mas sua presenca inspiradora ficou guardada no meu coração.

http://www.marienedecastro.com.br

Semana que vem o Bratuques segue com Jorge Vercilo e Torquato Mariano, dia 13 com Milton Nascimento e dia 20 faço minha apresentação com Artur Maia.  Ah! Preciso esclarecer uma coisa. Não vai dar pra cantar 30 canções, como rolou em São Paulo, pois nesse projeto faço uma participação no show de Marco Lobo, onde cada  convidado faz 4 músicas. Nem sei se lanço aqui a idéia de se elegerem as 4 músicas através do blog, pois como o Bebê também vai participar é certo que faremos pelo menos uma milonga, ou El Guión (ai ai ai) ou Velas Pra Todos Os santos. Que outras 3 deveriam rolar?


PARTE II



No dia em que participei do show do Lokua Kanza encontrei Tamy, uma cantora capixaba de quem falarei outro dia, que tem um disco muito bacana, bem produzido e com músicas próprias.  Ela apresentou-me  Dani Ramiris uma antropóloga que, aos 16 anos, após de ler O Ser e o Nada de Jean Paul Sartre, saiu de casa e foi para Bélgica num daqueles intercâmbios de estudo. Não voltou mais. Formou-se em Antropologia e saiu pelo mundo, a colocar sua lente sobre o tecido de outras culturas,  no Camboja, Tailândia, Índia, Laos, Nepal e Cashimira, entre outros países. Retornou a Europa para dar sequência aos seus estudos, fazendo mestrado em Antropologia Social na cidade de Coimbra. Há três anos voltou a morar no Brasil e agora trabalha como Coordenadora de Responsabiliddade Social da Transpetro, viajando todo país para  prestar assistência em mais de 60 comunidades.

Após  o show fomos jantar e aproveitei pra aprender um pouco mais sobre a sua especialidade. Ela falou-me muito de um cara chamado Cifford Geertz de quem me aconselhou o livro A Interpretação das Culturas, onde seu autor liberta-se do estruturalismo de Claude Lewis Strauss para ir em busca dos significados defendendo um conceito essencialmente semiótico de cultura.

Como Max Weber, Geertz acredita que o homem é um animal amarrado a teias de significados que ele mesmo teceu e que compõem a sua cultura, cuja análise é realizada de forma intepretativa.

Agora, Dani me fala que seu novo mentor intelectual é  James Fernandez  (Jim Fernandez no meio antropológico), que justamente mescla o estruturalismo de Lewis Strauss com o método de interpretação de Geertz aplicado às  teias de cultura. Esse é para mim um universo ainda a descobrir. Estou dando os primeiros passos lendo esse livro recém recomendado, pesquisando na internet e dialogando com Dani, que tem sido paciente em introduzir-me nesse mundo novo.

Mas que mais admiro em Dani Ramiris é sua coragem e determinação de ganhar mundo sozinha, de forma independente. Vê-se em sua voz um quê de mulher madura, resolvida, apesar de contar com apenas 25 anos. Uma pessoa assim me fascina.  

Isso me fez pensar na companheira de existência (e de existencialismo) do já citado Jean Paul Sartre, Simone de Beauvoir,  que dedicou volumosas e significativas páginas e atitudes em favor da emancipação das mulheres. O seu livro O Segundo Sexo, lançado em 1949, foi referência para as feministas e parmanece uma leitura importante nos dias de hoje. Foi em boa parte graças a ela que as mulheres comecaram a tomar o lugar de destaque que  ocupam na sociedade ocidental contemporânea. A sua argumentação cuidadosa e as referências bem situadas garantem a força textual desse livro até nossa atualidade. Segue um trechinho onde muita gente corre o risco de se reconhecer:

A mulher está às voltas com uma realidade mágica [...]. Em vez de assumir sua existência, contempla o céu ,a pura ideia de seu destino; em vez de agir, ergue sua estátua no imaginário; em vez de raciocinar, sonha."

Quem quiser obter mais informações sobre existencialismo, ainda que superficialmente, a Wikipedia dá de mão beijada a sua definição, autores principais, fontes de inspiração e frases conceituais, entre outros conhecimentos.  Eu particularmente sirvo-me de alguns conceitos, resolvo alguns probemas mas não  balizo mais minha vida pela ótica existencialista. É uma boa forma de conhecimento e, por influência de Ramiris até comprei a versão orginal de L'être et le nèant.

Em tempo, o livro A Interpretação das Culturas, me foi presenteado pela bloggeira Juliana Presto na última sexta depois do show no Café Paon, em São Paulo.  Obrigado Juliana.



Tenho que sair agora, mas vou continuar amanhã falando de mulheres e livros interessantes, começando pelo inteligente e divertido  Como montar uma mulher-bomba, da escritora, jornalista e professora de comunicação Luciana Pessanha, que conheci na casa de meu amigo Francisco Bosco (outra figura constante aqui nessas páginas) no primeiro dia de 2009.

Até mais tarde.

                       .....................................................................

Nesse começo de quinta-feira, querendo buscar subsídios pra enriquecer meu texto, procurei em vão o livro de Luciana. Desde a descupinização, ocorrida meses atrás,  ainda não arrumei minha estante  e, todo dia, Cristina, minha fiel funcionária, repõe os livros que separei na mesma falta de ordem em que já se encontravam anteriormente. 

Já que não achei o livro e que dormi poucas horas vou avivar meus pensamentos falando um pouco da autora.  Luciana está seguidamente viajando, pro Caribe, pra Colômbia, pra conchinchina, contratada por alguma revista para cobrir acontecimentos , examinar potenciais turísticos ou simplesmente  criar uma crônica a respeito desses lugares. Essa sua mobilidade a deixa com o olhar mais  aberto, as antenas ligadas e a escrita enriquecida. 

Há uns meses atrás, fez,  para O Globo, uma entrevista  interessante com Mauro Lima, diretor de Meu Nome Não É Johnny, sobre o novo projeto do cineasta que inclui uma pesquisa sobre as ramificações do tráfico de drogas no mundo, onde revelam-se as atuações criminosas da Cia e de políticos dos EUA, Brasil e outras Américas.  Sua capacidade de extrair informações inovadas confirmou-se  em um bate papo com Caetano Veloso que foi publicado no mesmo jornal, na época do lançamento de Zi e Zie.

Em suas aulas na Puc incita os alunos a criarem roteiros, impondo dificuldades temáticas e estéticas: restringe o uso de reticências e exclamações, pede economia nos adjetivos e advérbios e os textos, assim, vão ficando mais leves.

Essas qualidades literárias são reconhecíveis nos livros que Lu escreve. Essa sua qualificação a levou a ser recentemente sondada para atuar como ghost writer de uma celebridade, que por motivos éticos ela não quis me revelar o nome. Pra quem não sabe o que é um ghost writer, recomendo o livro Budapeste de Chico Buarque, que conta a história de um sujeito que empresta suas idéias e sua pena (quer dizer, o seu lap top) a um escritor de fachada.

Voltando ao nosso assunto, Como montar uma mulher-bomba é , como diz o subtítulo, um manual prático para terroristas emocionais. Na nota de abertura do livro, os leitores são informados de que o conteúdo que irão examinar fora elaborado por uma sumidade do mundo da semiótica, que não queria ver seu nome associado a um tratado tão mundano e perigosamente explosivo. 

Com esse inteligente álibi, a autora discorre nas páginas seguintes sobre essa terrível arte da detonação do sexo feminino. Em cada um dos onze capítulos ela conta um episódio diferente, incluindo um dedicado a Medéia, a mulher bomba arquetípica, neta do Sol por parte de pai. 

Ao final do livro, encontramos um posfácio interessantíssimo (sic) onde muita coisa se revela e onde se confirmam as habilidades criativas da escritora. Mais não posso falar, mas adianto que é um livro fácil de se encontrar nessas lojas como Argumento, Letras e Expressões e Travessa

No dia em que adquiri o meu, simplesmente solicitei numa livraria:  - vocês tem aquele livro da mulher bomba? e sem perguntar o nome do autor ou editora, a moça me trouxe um exemplar. Peguei um vôo pra São Paulo e rapidamente devorei o livro, tão saborosa é sua leitura.

Antes do manual explosivo, Luciana já tinha publicado um livro de contos chamado Ao Vivo, um livro de culinária,  Receita Carioca, elaborado especialmente para o restaurante Gula Gula, do Rio e O Transponível Super Empty, uma genial história ilustrada feita em parceria  José Carlos Lollo.

E assim vos deixo com essas inúmeras possibilidades musicais e de leitura. Boa pesquisa e boa diversão a todos. 

Abraços

PS. O filme foi um sucesso e a música bateu direto no coração do público.  Na festa que rolou depois no Cais do Oriente muita gente perguntava onde encontrar, enquanto o DJ a fazia rodar nas suas pick ups.

81 comentários:

Hannaly Oliveira disse...

"Sonhos Roubados" deve entrar em cartaz uma hora dessas na sala de cinema do meu bairro onde só são exibidos filmes brasileiros. Assim espero!

Eu voto em MAJESTADE e em QUERO PEGAR no BRAtuques! Super empolgantes, divertidas e minhas preferidas. E tomara que role a "milonga" , eu lembro que gostei no dia do sarau. Dá pra ouvir pelo MySpace de alguém?

Ansiosa!
Beijones.

AMANDACAMPOSAC disse...

ACHO QUE VOU TER QUE IR SOZINHA DIA 20/10 NO SHOW DO bRATUQUES PARA VER O VILLEROYYYYYYYY CANTAR!!!

BEIJUUSSS E ABRAÇOS

VILLEROY FIQUEI MUITO FELIZ QUE VC MANDOU "REPLY" NO TWITTER PRA MIM!!!AMEiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

Helena disse...

Oiii!!, Villeroy
Olá, Queridos!!!

Nossa, que post é esse!! Quanta cultura junta, Meu Deus!! Eu preciso estudar muuuiiito para fazer q.q tipo de cometário mais profundo.

A Dani Ramiris assume sua existência, bem como as rédeas de seu destino, agindo racionalmente, mas sonhando, sim. O sonho da liberdade de seguir seu próprio caminho. Ela não olha pra trás. É DEMAIS, ADMIRÁVEL. Por caso, não lembraria ANA CAROLINA?? Essa, então!!! Admiro mais ainda. Tudo isso, resumido em uma única palavra, ATITUDE!!!

São nos exemplos dessas mulheres determinadas que me inspiram a continuar a trilhar e conquistar o meu espaço no mundo jurídico. Aliás, mundo pra lá de competitivo.

Vc poderia cantar no BRATUQUES uma dessas: PRA RUA ME LEVAR, ALÉM DO PARAÍSO OU GARGANTA.São minhas preferidas.

Beijão!!!

PS: Estaremos todas juntas no show, não é mesmo??? Não quero ficar lá sozinha! Quero conhecer todos..Amanda, Veluma, Ana, Bárbara e quem mais quiser juntar-se a nós. OK!!!!

Claudinha disse...

Q bacana, vou assistir com certeza! Acho que uma vez comentei com vc que trabalho com saúde mental,mas é na parte de gestão pública, não atuo na clínica atualmente. E minha função específica é na área da infância e adolescência, então lido diáriamente com jovens que vivem nessa relidade conturbada. É muito interessante como nossos conceitos/preconceitos mudam quando nos aproximamos da realidade dessas pessoas. Quando deixamos de ver as coisas pelo nosso confortável ângulo. Nossa... tem cada história de arrepiar... lembro-me de um garoto, de uns 11 anos, fruto de uma família totalmente desestruturada e condenado desde criança a ser "um pivete"... acabou cumprindo medida socioeducativa por furtos, envolvimento com o tráfico e tal... aos olhos da sociedade um "perigoso marginal".
Enquanto cumpria medida ele se envolveu com atividades artísticas, começou a fazer parte de um grupo de hip hop, e quando se apresentou pela primeira vez e foi muito aplaudido, foi logo perguntar a uma profissional o centro de medidas socioeducativas s ela tinha se orgulhado dele... coisa que a família nunca lhe ofereceu... hoje ele não quer deixar o centro de medidas, pois lá apesar de todos os inconvenientes de uma prisão ele tem atenção, cuidado, oportunidade... coisa que nunca teve no seio familiar. Contando assim não consigo transmitir o quão emocionante foi essa história, me arrepio só de lembrar... Foi nesse dia que ficou claro pra mim que o maior problema não é a falta de comida, de dinheiro, de conforto, ams sim de amor.... pode parecer clichê, mas foi exatamente isso que percebi...

~~~~~~~~~~~~~~~~ o ~~~~~~~~~~~~~

LOUVADO SEJA TONINHO HORTA QUE O MOTIVOU A COMPOR!!!!!

~~~~~~~~~~~~~~~~ o ~~~~~~~~~~~~~~

eita, este post falou de filmes, shows, mulheres e livros realmente interessantes! E q pessoa admirável essa Dani Ramiris!!!!

~~~~~~~~~~~~~~~ o ~~~~~~~~~~~~~~~~

BOA NOITE A TODOS!!!!!

Tuila Bittencourt disse...

Bom dia Totonho e pessoal.
Esse post está realmente lotado de informações pra lá de interessantes. Já faz um tempinho que eu abri uma pasta no meu computador e dei o título de DICAS, e lá eu vou colocando todas as dicas que chegam a minha pessoa, sempre que eu tenho um tempinho abro o arquivo e começo a pesquisar. Esse blog já contribuiu e muito pra aumentar esse arquivo.

Acho muito legal os post e os assuntos que surgem aqui, é uma forma que eu tenho de sair um pouco do meu mundinho faculdade e estágio. Eu tenho a sensação de que quando vc entra na faculdade fica restrito a sua área de interesse e isso não é nada legal, demorei um pouco pra perceber que existem mais um monte de coisas interessantes fora desse mundinho, mas ainda bem que descobri!

Acho que falei demais e nada sobre o post, mas a medida que eu for pesquisando sobre os assuntos eu vou comentando aqui.

Bjs a todos!

Pia Fraus disse...

Maravilhosa cada novidade! Desejo-lhe sempre esse movimento... ah! ele vai seguir seu curso e desembocar em canções, poemas e - como nesse post - em reflexões... bj

Danielle disse...

Bom dia/Tarde!!

Passando rapidinho pra dar uma olhada nas novis...
Fico meio deprê por estar tão longe e não poder participar de projetos culturais como esse...=/
Queria morar no Rio...[/fato]
.
Já vou indo..meu tempo tá resumidíssimo...muitos projetos da facul e um danado de um TCC que eu não sei nem como começar...depois eu "leio de verdade" o post e deixo um comentário mais interessante que esse feito às pressas...rsrs...
.
Beijos Totonho...tô ligada em vc no Twitter...rsrs..
.
Beijos Pessoal!

Hannaly Oliveira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Angela disse...

Oi Totonho, oi blogueiros

Que bom que a música fez sucesso (será que não era de se esperar?). Gostei das indicações dos livros, vou procurar a "mulher bomba", gosto MUITO de ler, ecom a chuva e o frio que andam por aqui, nada melhor...Tá tão úmido que meu maridão querido acendeu a lareira e fiquei estudando no quentinho...delícia! Beijinhos frios do sul a todos!

Tainara Cláudia disse...

Oii, Totonho e galera do blog!!

Totonho ontem eu vi no programa Metropólis da TV Cultura uma reportagem sobre o filme Sonhos Roubados e logo no começo reconheci a voz da Maria Gadú que canta a música do filme que por sinal é maravilhosa (ouvi um pequeno trecho, mais já gostei de cara).

Já me falaram do Toninho Horta, mais ainda não me dediquei a escutá-lo. De certa forma ele já tem a minha simpatia pelo fato de ser mineiro!!! rsrs

Você como sempre nos indicando ótimos cantores e instrumentistas.

Confesso que sobre Antropologia estou meio por fora, mais como é o estudo do homem, acho que a Eubiose de certa forma também reune esse conhecimento.

Totonho amei muito esse post, aprendi muito e com certeza lerei os livros que você indicou aqui.

Abraço para todos!!!

Hannaly Oliveira disse...

Começo hoje a ler 'Memórias de minhas putas tristes' que já me indicaram mais de uma vez.. hoje achei por acaso na biblioteca da escola, vamos ver no que dá!

Eu fui procurar sobre o Super Empty e vi o desenho, tenho a impressão de ter visto esse cara em alguma prova de literatura ou português.. li alguma coisa sobre aqui na internet e acho que deve ser super cute. Vou procurar ele e o manual explosivo.. o de receitas nem me anima muito porque não sou nada intima das panelas. Meu negócio mesmo é microondas.

E que bom que a música bombou!
Beijones!

AMANDACAMPOSAC disse...

VILLEROY

PODIA ROLAR A CANÇÃO "É HORA DA VIRADA" NO bRatuques DIA 20/10

BEIJUS E ABRAÇOS

AMANDA CAMPOS - AC

EU VOU NESSE SHOW,NÃO PERCO POR NADA!!!

AMANDACAMPOSAC disse...

VILLEROY

+ UMA VEZ FIQUEI FELIZ QUE VC ME MANDOU "REPLY" NO TWITTER PRA MIM!!!AMEiii

HELENA,QDO DIGO QUE VOU SOZINHA NO SHOW É PORQUE MORO EM OLARIA,E NÃO TEM NINGUÉM PRA IR COMIGO PRA COPA!!!OK,+ LÁ QUERO ENCONTRAR TODO MUNDO AKi DO BLOG!!!BJUS PRA VC

BEIJUS VILLEROY

AMANDA CAMPOS - AC

AMANDACAMPOSAC disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Antonio Villeroy disse...

Dando aquela passadinha (parece coisa do Bial, arghh BBB).

To achando todo mundo meio acanhado nos comentários. E olha que já tivemos temas bem mais cabeludos.

Acho que a antropologia e o existencialismo meteram medo nos meus leitores.

Pia Fraus cadê você que tem vocação filosófica e arrasa com 2 linhas ou uma palavra.

Por falar nisso, tem muita gente que sumiu daqui depois daquela polêmica do Multishow, repararam? Thais foi uma delas. Ei Thaís, não se culpe, fique à vontade, volte, a vida é bela!

Vocês sabiam que a Maria Gadu veio ao Rio para passar o último reveillon e sua vida engrenou numa sucessão de conquistas que não voltou mais pra São Paulo a não ser pra fazer shows já como uma artista em consagração? Começou com sua participação na minissérie Maysa, cantando "Nes me quites pas", depois fez o show na festa de lançamento do mesmo folhetim, em seguida entabulou uma sequência de shows lotados,logo assinou contrato com a Som Livre, lançou o disco com shows em lugares maiores,sempre sold out, participou no DVD da Ana, colocou sua voz no tema principal de um filme importante e tudo isso em menos de 10 meses. Como falou-me hoje a "mulher bomba", a Gadú "mega pegou a corrente do Nemo". hehe

Vou comer um sushi.
Beijones (adotei geral)

Hannaly Oliveira disse...

Tots, eu diria que as pessoas nao sumiram depois do Multishow, elas APARECERAM pra discutir o 'pequeno problema' Multishow..

Eu de fato às vezes prefiro ficar só lendo a fazer comentários 'soltos' no meio de assuntos complexos tipo o existencialismo. Acho que vale mais a pena ficar quieta e aprender com gente inteligente assim! hahaha

Quero muito ver a Gadu mais uma vezo.. dentre todas as cantoras novas é a minha preferida, acredito de verdade no trabalho dela! E não se esqueça de acrescentar na história dela, que quando ela veio pro Rio ela só tinha dois biquinis e um shorts na bolsa! hahahaha. Pelo menos foi o q ela disse no Palco Mpb.

To falando demais nesse post, vou parar! hahaha

... E beijones!!

Juliana!!! disse...

Totonho, Tots!

Vi sua msg no twitter e PROMETO q volto pra comentar com gosto o post atual! Acho q DOMINGO respiro aliviada e dou sinal de existencia! hehe

Esses dias estou envolvida nas questoes relacionadas ao CONCURSO DE REMOÇÃO de professores, pois estou numa escola em que nao me adaptei ao trabalho pedagogico e nem ao grupo de funcinarios... To me organizando pra indicar escolas bacanas, ok! Justificada estou!

Temas interessantes e inovadores!!!
Nao mete medo, so nos coloca pra pensar e ir em busca de novos conhecimentos!!!!!!! Alias, agradeço por isso, viu!

"Ficou mais claro quem sou/E a minha vida começou" Incrivel como isso se adapta a quase todas as situacoes dificeis da vida, nao!?!

BJAO e BJONES
(Hanna, de alguma coisa serviu meu KING KONG: pedir pro Tots fazer biquinho kkkkk)

PS> Sushi, sashimi... ADORO COMIDA JAPONESA!!!!!

Helena disse...

Olá, Villeroy! Oi, Pessoal!

Antônio, quero te gradecer pelos inúmeros conhecimentos adquiridos durante essas visitas no blogg.É enriquecedor.

Corrija-me, caso eu esteja errada.

Pesquisando na internet sobre antropologia e adequando seu raciocínio a importância da produção e comercialização da música brasileira, seria possível argumentar que o homem como ser cultural e social, tem direito a resgatar seus valores, através da música e mudar seu modo de agir, de sentir, e a aprender a buscar respostas para se entender a partir das informações que o compositor lhe fornece? E com isso, abrir novas janelas de oportunidades de desenvolvimento social e cultural?

Peço sua ajuda, pois estou escrevendo um artigo para a faculdade sobre música nacional e a importância de sua produção.

Beijão!!

Pia Fraus disse...

Bom dia meu xamã! (e a todos/as) antropologia (mais ou menos o antropos e o logos dos gregos)é uma das vias mais perigosas a meu ver... porque quase sempre corremos o risco de universalizar aquilo que de mais particular há na natureza: O SER HUMANO. estudei antropologia filosófica e, no começo, areditei que ia conseguir acabar com esse meu medo de rotular comportamentos, costumes e açoes... (sorriso) engano meu! fiquei mais sem chão ainda e corri para os braços de Nietzsche onde ele diz que qualquer vereda para pensar nos traz o risco pela busca da verdade dos conceitos: "Até que ponto a verdade aguenta ser incorporada?" perguntou ele...
bjinho a todos/as

Irinia disse...

Olá Antonio
sou uma fiel leitora do seu blog, embora nunca tenha comentado nada. Sou de uma geração mais antiga e participei de movimentos feministas no final dos 70, início dos 80. Integrava no movimento estudantil aquela corrente política chamada Liberdade e Luta, a Libelu. A Libelu tinha orientação trostkista, pregava a revolução permanente, simpatizava com a liberdade sexual, tinha uma visão crítica sobre os papéis impostos pela sociedade capitalista patriarcal, com o homem adulto branco sempre no comando. Várias mulheres da Libelu também integravam o movimento Liberta que lutava pela maior expressão das mulheres (os homens já tinham feito muita história feia); admirávamos Rosa Luxemburgo e saíamos à rua com palavras de ordem do tipo "Mulher não é Boneca". Queimávamos sutiãs em passeatas, deixávamos os cabelos crescerem nas pernas e axilas. Em suma nos libertávamos do poder opressivo dos homens adquirindo em parte um comportamento igual ao deles (isso só me dei conta depois). Muitos dos meus companheiros na época eram mais femininos do que eu. Nunca gostei de mulher, digo do ponto de vista sexual. Até tive experiências, mas adoro mesmo é o homem para o sexo, para as trocas amorosas e para as conversas. Os homens com quem convivia partilhavam dos mesmo ideais. Eram homens também feministas, não por formação familiar, mas através de um esforço de compreesão das necessidades das mulheres do seu tempo. Isso tudo foi importante, mas hoje adoro colocar baton, salto e seduzir. Tenho duas filhas lindas que te adoram, uma de 28 e outra de 25. Elas conhecem toda minha trajetória, riem das minhas fotos, amam o pai biológico delas e os outros dois homens com quem casei depois e que as tomaram também como suas filhas. Todos nós convivemos em perfeita harmonia, licões extraídas daqueles tempos. Hoje estou de novo solteira e converso muito com minhas meninas, saímos juntas e tudo mais. Uma agora está namorando, ela teve a sorte de encontrar um parceiro bacana, alguns anos mais velho, que é muito inteligente, criativo e carinhoso. A outra ainda sonha encontrar um cara como você, sensível, poeta, que conhece a alma das mulheres e que é, acima de tudo, muito bonito. Ela diz que quer um homem mais maduro, porque os meninos da idade dela parecem crianças ao seu lado. Ela é muito resolvida. Sexo nunca foi tabu em nossa casa. Emprestei-lhe meus livros da Beauvoir. Ela adorou, mas não é de seguir cartilhas, não gosta de fazer coisas ao pé da letra e sim de adaptar o que lê á sua realidade. Atualiza as coisas a seu modo e acho que faz muito bem. O mundo mudou muito. Acho que agora devemos resgatar a feminilidade, o poder da leveza, da receptividade, do amar e deixar-se amar. Parece simples e óbvio, mas não é bem assim. Tudo nos leva a colocar ferrolhos em nossos corpos, em nossos corações e ficamos endurecidos. Falo na primeira pessoa do plural para falar da sociedade, embora sinta-me privilegiada nesse aspecto, pois resolvi essas questões há mais de 30 anos atrás, quando estava com meus vinte e poucos anos.
Falei muito de mim e de minha família, mas o que queria mesmo dizer é que adoro seus textos, o leque que você abre aqui, abarcando tantos assuntos imprescindíveis ao entendimento humano. Você é um humanista acima de tudo. E tem um quê de homem renascentista, plural, com uma visão holística do mundo.Isso, em si, já é uma lição de antropologia. Não a que se estuda na faculdade, mas a dos homens que vão a campo em busca de suas respostas.
Quem me apresentou o seu trabalho foi Isabel, a filha de 25 que tem suas músicas no IPod, e sonha em lhe conhecer. Moramos em Brasília e vamos seguido pra Chapada e você quase sempre está presente nas músicas e nas nossas conversas. Mariana , a mais velha, tem amigos que tocam suas músicas no violão. Sinal dos Tempos é uma benção, uma oração, tem tudo a ver com o nosso tempo atual: "é preciso mergulhar mais que mil pés, onde Netuno traça o rumo das marés ... "
Voltarei com mais frequência.
Beijos mil e muito sucesso pra você!

Bárbara disse...

Bom dia! Muitas vezes quando entro aqui e leio os post e os comentários me sinto ainda mais viva e aberta a novos conhecimentos. Por que não apenas o Antônio, mas cada um que participa com suas idéias e suas lembranças nos ensina a sermos uma pessoa melhor e maior. Até minha expressão facial mudou depois que comecei a participar diariamente deste blog. São ensinamentos diversos. Eu particularmente amo uma boa leitura, e este blog sempre proporciona isto, tornou-se o primeiro local que procuro para ler algo interessante.

Estou me sentindo até mais leve, mais humana, depois que li o que a Irinia escreveu. Ela relata fatos acontecidos com ela, relata a convivência com suas duas filhas e o início do Tots em suas vidas. Incrível como este blog consegue reunir grandes almas. Estou completamente feliz e realizada. Sinto-me tão bem quanto o fim de um maravilhoso livro, o fim daquele livro que você jamais quer sair de perto, que quer apenas indicar aos amigos e familiares, aquele livro que ensinou e reativou sentimentos e lições em sua vida. Um livro que jamais esquecerei!!!

Totonho, não acho que as pessoas sumiram depois do prêmio multishow. A Thaís realmente não apareceu mais, deve estar ocupada, não sei, mas vou procurar saber o porquê. Este seu último post está incrível, reune assuntos espetaculares. Vou admitir à você que quando o li pela primeira vez, na quarta-feira, estava a pedalar em minha bicicleta ergométrica, finalmente comecei a usá-la, estava me sentido triste e resolvi dar início a uma vida mais saudável. Mas não havia comentado por que necessitei de uma outra leitura, e pelo que percebi ainda não comentei nada...risos...

Nossa!!! Adorei saber mais da Maria Gadú. Essa menina vai longe!!! Quando ela participou do palco MPB, eu por coiscidência a ouvi em meu horário de almoço, mas infelizmente não ouvi toda sua participação. Só que algo chamou minha atenção - A Gadú disse que a música Shimbalaiê foi feito quando ela ainda possuía 10 anos de idade. E confessou que não tem idéia do que significa o nome da música. Ela é uma cantora maravilhosamente boa, tem competência e uma voz incrível. Tenho certeza que terá um futuro brilhante. Ela bem que poderia aparecer por aqui qualquer dia para nos dar um alô!?!?!..risos;

Totonho, meu querido, ainda não estou preparada para falar algo sobre antropologia ou existencialismo. Mais vou procurar expandir meus conhecimentos em relação a este assunto.

Um beijo grande a você e a todos que participam com seus comentários.

PS. Ah, será que a cidade do Rio de Janeiro será a escolhida para 2016???..risos...

Thais Pinheiro disse...

A Barbara foi falar comigo lá no msn,disse q vc tinha falado que eu tinha sumido,confesso a voce que fiquei com medo depois do multishow..rsrs
Mais não foi por isso que sumi,como o povo diz "Acoisa ta preta pro meu lado" to com uns problemas e nao consigo resolver, sabe tenho 20 anos ai familia caindo em cima pressionando,dizendo que tenho que trabalhar e tal,mais eu procuro sabe,mais aqui em casa acham q tudo tem q acontecer da noite pro dia,ai quando todo mundo tirar pra falar junto vc se sente meio impotente,sei lá,já falei quero trabalhar com música ai mesmo que eles criticam..rsrs.
E tem outros problemas tb ai minha vó ta com uns problemas de cabeça..melhor dizendo a velha ta caducando,ai eu moro com ela, tenho q tomar conta de algum modo, ai tambem a falta de grana, ela é aposentada mais n ta recendo ai a gente n vive sobrevive, n só eu como mta gente nesse país.

Bom acho que eu fiz do meu comentário,um confesionário..rsrs
Me sinto mais leve.

Totonho prometo não sumir mais,só não vou prometer que vou passar aqui todo dia.

BJS A TODOS !!!
amo-te

Angela disse...

Oi Totonho e todos que aqui participam...

Chamou pra conversa, né Totonho? Muito bem...

Gostei muito do que a Irinia escreveu, me identifico com o que ela descreve da a época da revolução estudantil, afinal entrei para a faculdade nos anos 80 e vivi um pouco disso. Mas a minha descoberta foi mais pelo lado espiritual, enquanto o pessoal da faculdade ia a protestos eu estava mais envolvida com minha "revolução pessoal". Conheci uma galera que fazia meditação e dançava muito, faziam muitas festas e também retiros de final de semana para se trabalhar internamente. E foi este o meu caminho!

Tive também a sorte de , alguns anos depois, já em Florianópolis iniciar um trabalho chamado O caminho do Sagrado Feminino. Durante quatro anos fizemos um trabalho espiritual baseado nos arquétipos femininos, começando com as Deusas Gregas e depois seguindo para outras, de várias etnias diferentes. Aí é que posso dizer que realmente passei a entender mais a alma, os papéis, a complexidade do "ser feminino", espelhado em suas diversas facetas, presentes em pequenos pedacinhos em cada uma de nós. Depois trabalhamos também os Deuses, a face masculina, pois somente quando integramos o masculino e o feminino, dentro e fora de nós, é que podemos nos transformar em seres mais inteiros...mas é um longo caminho, muito aprendizado (eu diria constante) .

Depois deste trabalho fiz minhas pesquisas e me senti "autorizada" a facilitar meu próprio trabalho com as mulheres, que baseei na minha experiência anterior e chamei "Meditando com a Deusa". Este trabalho aconteceu durante todo o ano de 2008, e parei porque vim morar num sítio e acabou ficando mais longe.

Atualmente trabalho com os Florais da Deusa, baseados princípio masculino/feminino. Não vou me alongar sobre isso, mas quem quiser saber mais dê uma espiada no meu site (www.ghazal.com.br)


Mas também acho que, como mulher e como mãe fiz coisas bastante distintas do que a geração da minha mãe. Tenho uma relação muito mais aberta com meus filhos, principalmente com minha filha de 21 anos, somos muito companheiras, conversamos de tudo e só não é melhor porque ela escolheu morar aí no Rio, um pouco longe daqui...mas a gente cria os filhos para o mundo, não é mesmo?

E , ainda antes do círculo de mulheres, fui buscar o meu lado feminino que estava um pouco perdido na dança do ventre, que recomendo a todas as mulheres! Dançar faz muito bem, e esta é uma dança sagrada que resgata a ancestralidade dos encontros femininos...(recomendo o site de minha professora www.dancasdooriente.com).

Então, é isso...A experiência é diferente para cada pessoa, mas quando é compartilhada pode ajudar a esclarecer processos, trazer luz ou questionamentos, sempre válidos!

Beijos a todos e bom final de semana.

Thais Pinheiro disse...

ESQUECI DE FALAR, SEI QUE MTA GENTE VAI PENSAR ASSIM, O QUE EU TENHO COM OS PROBLEMAS DESSA MENINA,EU SEI Q CADA UM TEM O SEU, SÓ NAO ME LEVEM A MAL POR EU QUERER FALAR DO MEU.
BJSS

Juliana!!! disse...

Boa Tarde!
Passei em casa pra almoçar e pagar umas contas na net! Como é sempre irresistivel dar um pulo na net em geral....
Vi na Comunidade da Gadu q postaram o link do MySpace que tem a musica do filme SONHOS ROUBADOS!
http://www.myspace.com/sonhosroubados
Ainda nao escutei o suficiente, mas gostei muito da melodia e Q VOZ!
hehehe
Voltando pro TOUR das escolas da Zona Norte de SP!
BJAO!

Antonio Villeroy disse...

PARABÉNS BRASIL!

Rio de Janeiro vai sediar as Olimpíadas 2016.

Bom ver o povo feliz, comemorando. Cada vez que temos uma vitória dessas, ficamos irmanados, reacende a consciência de nação, o amor pelo país aumenta.

Com a Copa de 2014 e as Olimpíads em 2016 temos duas excelentes oportunidades de crescimento.

Thais, legal você reaparecer. Não precisa estar aqui sempre não, mas senti falta do seu chapeuzinho colorido. Procure olhar as coisas com leveza. Que tipo de trabalho você procura? De repente aparece alguém aqui que precisa de você.

Hoje no jornal O Globo, saiu um comentário do cítico de cinema Rodrigo Fonseca elogiando Amores Roubados, que seria o melhor filme de Sandra Werneck e que as meninas
mereciam um prêmio coletivo de melhor atriz do festival pela sua atuação.

Abs
T

Anônimo disse...

Antonio é filosofia pura. assim como ele só conheco outro cara o Belo!
ashuashuashuashausahsuashuablablabla

veluma disse...

Gente , passei aqui correndo.

Acabei de chegar no enterro da minha tia. Ela estava com câncer e faleceu. Foi a segunda pessoa querida que eu perdi com essa doença maldita. E a quarta pessoa que perdii esse ano.
Mas como uma boa espiríta, me conformo rápido com a morte.
Claro que estou triste, mas sei que ela está melhor e um dia nóis vamos nos reencontrar de novo.
" Vamos dando risada que a vida nos chama e não pra chorar"

Eu li alguma coisa de "mamãe Oxum".
Uma bela orixá. Apesar de eu ser filha de "Mãe Yansã" eu a venero.
É a deusa do amor.

Ainda não li o post todo.
Lii algumas partes só.
Depois eu venho com calma.
Fico feliz em ver tantos assuntos que me interessam juntos.

" sonhos roubados" está dando o que falar e eu estou louca para assistir.

Para o Bratuques eu voto em
SÃO SEBASTIÃO, MAJESTADE E OURO.
Antônio por favor canta SÃO SEBASTIÃO. Eu amo muito.
Mas eu tbm ia adorar ver vc cantando heroína e vilã. Que é uma de suas músicas que mais combinam comigo. Me faz lembrar de coisas.

Gente to indo, preciso cuidar da minha avó que está abatida.

Hoje durante o enterro, eu lembrei de uma frase que li no livro " A BRUXA DE PORTOBELLO" que dizia:

" Quando eu morrer, enterre-me de pé, pois eu vivi de joelhos a minha vida toda"

Pensem nisso e aproveitem a vida, porque depois não adianta se lamentar.

Eu volto mais tarde para ler tudo com calma.
Bom Final de semana a todos,
Beijos.

veluma disse...

e PARABÉNS BRASIL [2].
Nóis merecemos né?

Só em pensar que vou poder assisitr tudo me dá uma alegria tremenda.
Está na hora de crescer, sem contar os empregos que vai gerar com isso tudo.

Bárbara disse...

Mais uma vez eu por aqui hoje, na verdade, acabei de passar em meu orkut e li um recadinho da minha amiga Luma, mas ao invés de ter ficado triste por ter conhecimento desse momento que ela passou, eu fiquei orgulhosa de 'conhecer' uma pessoa assim, que vê a vida pelo melhor ângulo. A Luma é alguém tão especial que mesmo sem conhecê-la pessoalmente eu a tenho como uma grande amiga. Amizades são tão importantes pra mim! Eu guardo cada uma de maneira absoluta em minha vida.

Dá-lhe Brasil, hoje eu até iria com minha mãe na praia, passear um pouco, mas acordei com dor de garganta que nem ao curso eu fui. Ela estava tão afim de ir, me deu até uma dorzinha vê-la assistir os acontecimentos pela TV. Minha mãe é a pessoa mais especial da minha vida!

Estou, ainda, lendo sobre existencialismo, e adorando!!! Na verdade é um assunto que conhecia, mas não pelo próprio nome...risos...

Um beijo grande a TODOS!

2014 e 2016 só vai dar Brasil!!! E como falei em meu orkut: "Finalmente chegou a vez da cidade mais feliz do mundo!!!" A cidade que eu adotei como minha!!!

AMANDACAMPOSAC disse...

VILLEROY E BLOGUEIROS

VIVA O BRASIL!!!2016

O RIO DE JANEIRO GANHOU!!

ESTOU MUITO FELIZ!!!

BEIJUS E ABRAÇOS

AMANDA CAMPOS - AC

Ana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana disse...

oiiiiii

Bom, muitas informações...é preciso ler com um pouco mais de atenção. Volto mais tarde...

Gosto muito de espaço e dos coments.

Pro bratuques voto Majestade, Sinal dos Tempos e Pra rua me levar ou Que se danem os nós! rs


bjão

Hannaly Oliveira disse...

Putz, disse que nao ia falar mais, mas pô, minha cidade ganhou!

Chorei o dia inteiro vendo os jornais falando disso! Preciso parar de me envolver tanto assim nessas.. hahaha! Esse é só o primeiro passo pra muuuuitas conquistas que estão por vir! Estamos definitivamente nos tornando o país do futuro. Agora é dar um show de beleza e cultura pro mundo!


(Li em algum lugar: Lula achou a maior reserva de petróleo do mundo, "acabou" com a fome [quase né], trouxe as olimpíadas.. Obama pra quê, né gente?)

hahaha
beijones! ;*

Helena disse...

Eu sou brasiliera.
Eu sou do Rio de Janeiro.

Diz que Deus
Diz que dá
Diz que Deus dará e deu!!!

Olimpíadas no Rio 2016. È NOSSO. Prabéns pra Gente!!!

Para o final de semana esportivo ficar completo, cheio de alegrias,só falta o meu time MENGÃO ganhar amanhã.

Domingo é dia de FLA X FLU!!! Estarei no Maracanã, amanhã. Vou assitir ao jogo ao vivo e cores.

A MAIOR E MAIS BELA TORCIDA DO MUNDO!!

Beijos a todos. Beijão Villeroy.

AMANDACAMPOSAC disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Karine disse...

Oi Antônio!
A expressão 'Ghost Writer' foi a que mais chamou minha atenção em todo o seu post. Não desvalorizo as demais informações, mas é que essa, em especial, me antenou aqui para uma das coisas que o ser humano mais gosta de fazer:
*Tirar proveito daquilo que é do outro (no caso o dom da escrita) e a vaidade - olha só onde meu pensamento foi!- levam as pessoas a se passarem por escritores e na verdade não são.
Percebi isso em algumas pérolas que escuto nos programas que assisto à noite quando meus amigos/parceiros tem outra coisa a fazer, e que me rendo à solidão televisiva de quem está sem computador!
Cada aberração que fico pensando: _Será realmente que essa figura ganha tudo isso pra falar tanta bobagem!? E ganha! O que é pior.
*Abro discussão sobre os Ghost Writers: Esses são geniais?
Pelo fato de toparem trapacear o público leitor, ocultando sua identidade, em razão de um determinado valor monetário? Deixando a fama e o reconhecimento para aquele que fez o pagamento?
Para pensar!
beijo com poesia!

Thais Pinheiro disse...

O meu querido é muito bom saber que ainda existem pessoas que se preocupam com o próximo, hoje em dia todo mundo só olha pro seu próprio umbigo.
Olha eu nao tenho experiencia(Nunca trabalhei)eu acho que quando a gente precisa não pode ficar escolhendo muito,pra mim o que vier agora é bem vindo, as únicas coisas q eu não sei fazer e nao gosto são trabalhos domesticos..rsrs
Mais o resto pode contar comigo pego as coisas rapido.

BJSS TOTONHO E DESDE JÁ AGRADEÇO PELA SUA PREOCUPAÇÃO COMIGO.

BJSS A TODAS BLOGUEIRAS!!!!!!!

Luis Gomes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luis Gomes disse...

Cara, a "A câmera que filma os dia" está linda. Esse post amei. Divulguei o teu blog no facebook agora. Quando é que virá na terrinha? Abraço

Juliana!!! disse...

Totonho e pessoal,

Como prometido, to voltando hj e tentando escrever um comentario bacana. Confesso q to um pouco confusa, pois sao muito assuntos interessantes, alguns familiares, outros nem tanto...

Qto ao livro, DE NADA! Adorei saber o percurso anterior a sua sugestao! O presente foi algo com significado a ti!

Continuo curiosa em saber se o BRATUQUES vem pro SESC SP... Tem alguma possibilidade?
Valeu tbm por contar um pouco sobre os musicos q te influenciaram!

Mulheres... Cada dia mais temos espaço em diversos segmentos e com MUITA COMPETENCIA! Sem exagerados feminismos, mas a ESSENCIA FEMININA é tudo! kkkk

Vou adquirir esse livro da "mulher-bomba", com certeza! Alias, adorei a definição dada pela autora a Gadu... "Pegou a corrente do Nemo"!

ADOREI a musica trilha do filme Sonhos Roubados! A proposito, tem alguma previsao da exibicao dele em ares nacionais????

Vou indo, pois ainda tenho algumas coisas a arrumar nesse Domingo!

Vou comer um sushi (2) e sashimi tb! hehehe

BJAO!

Anônimo disse...

E aí Antonio?
Blz?
Vc e a Chiara estão namorando??? Não se desgrudam...hheeh

Tem meu apoio! Vcs formam um casal lindo! ;-)

veluma disse...

Oi pessoas , tudo bem ?
Obrigado ae a galera pela consideração de sempre.
Deixaram recados, depoimentos no meu orkut. me mandaram emails, msg e até telefonemas para me dar os pêsames. Obrigado de coração.
Eu e e minha vó estamos bem melhores.

Thaís , vc mora aqui no RJ?
http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=11635677808316127147&rl=t
Me add ae no orkut , pq derepente posso te ajudar.
E olha só, não liga para as coisas que acontecem em casa não.
Isso tem em toda familía. Eu trabalho desde nova para ter minha independência. Odeio pedir qualquer coisa para qualquer pessoa que seja.
Minha vó briga comigo pq acha que eu devo só estudar. Mas eu me viro bem estudando e trabalhando.
Tudo vem na hora certa e se vc ainda não conseguiu nada é porque vai vir algo que vc mereça.
Tbm fui criada por vc e sei que elas dão trabalho. Mas pega leve com ela heim. Tenha paciência. rs
beijocas, e boa sortee.

vou começar a dar minha opinião no post.

Veluma Nunes disse...

COMEÇO AQUI MEUS COMENTÁRIOS SOBRE O POST.

SANDRA WERNECK é sem dúvidas uma excelente diretora. "Pequeno dicionário amoroso" está na minha lista de preferidos. Espero ansiosa para ver " sonhos roubados" tbm.
Adoro filmes brasileiros e ainda mais quando se trata de uma realidade.
Sobre o Bratuques , o que tenho a dizer é que não vejo a hora de chegar o seu dia.
TONINHO HORTA eu não tenho muito a falar, porém cometo a ignorância de gostar de "Beijo partido" sem saber quem era o compositor da música. Eu tenho ela aqui em casa gravada na voz de NANA CAYMMI. Eu achava que a letra era de EMILIO SANTIAGO. ( que vergonha, =/)
Eu acho que estamos falando da mesma música.
"Eu não gosto de quem me arruina em pedaços e Deus é quem sabe de ti"
É essa Antônio? Se for, nem acredito que gosto da música que inspirou você a compor.
Ah , acho que o fato de vc se apresentar sempre uma semaa depois dele nos lugares não se deve ser chamado de sincronicidade e sim de destino.
Vc disse que ele tem uma marca pessoal forte , mas não seria vc um bom ouvinte?

HAMILTON DE HOLANDA eu confesso que não conhecia. Porém já dei uma olhadinha no google e tem bastantes coisas sobre ele.

Continuo no outro comentário.
Estou amando esse pot.
Está super interessante. Impossível ler uma vez só.

Veluma Nunes disse...

MARIENE DE CASTRO, essa eu já conhecia. Como boa capoeirista que sou, conheço boa parte dos cantores ( que não cantam axé) da Bahia.
As minhas preferidas dela são: "Ilha de maré" e "Samba de terreiro" que por sinal são sempre cantadas por meu mestre de capoeira. MESTRE NALDINHO. Ele é fã dela e da CAROLINA SOARES. Já ouviu falar nela Antônio? Uma excelente cantora tbm.
Vou deixar um trecho de uma música dela pra você ler.

" As vezes me chamam de negro pensando que vão me humilhar, mas o que eles não sabem é que isso só faz me lembrar que eu venho daquela raça que lutou pra se libertar. Que criou o maculelê e acredita no candomblé. Que traz o sorriso no rosto a ginga no corpo e o samba no pé."

Também tem uma que não sei o nome e não tenho certeza que é da MARIENE que diz:
"isso não é novidade, lá na bahia é moda. Samba de roda, samba de roda, vem pro batuque menina que aqui tem axé de sobra, Samba de roda, samba de roda."
Ela é um encanto mesmo, mas eu não sabia que ela tinha cantando contigo tbm. Adorei saber!!
Quem sabe vc não chama ela pra cantar no seu próximo dvd? Já tem o meu voto.
E se quiser colocar na melodia uma pontinha de berimbal , eu me habilito a tocar. rs

Veluma Nunes disse...

Existencialismo é algo interessante , já as mulheres eu dispenso. rs
Não levanto bandeira feminina não. Acho que a mulher se destaca no dia a dia, desde o momento que ela acorda até a hora que vai durmir.
Hoje uma mulher faz tudo que um homem faz, só que nóis fazemos tudo isso de salto alto.

Eu tenho vontade de ler BUDAPESTE, qualquer hora vou aceitar a recomendação!
E sobre a LUCIANA PESSANHA , eu nunca li nenhum livro dela. O que é uma pena. Mas não faltarão oportunidades, aindam tenho 20 anos de idade e muitos de vida para ler.

Antônio , esse foi um post enriquecedor para a minha mente. PARABÉNS !
Adorei escrever vários comentários porque em um só não caberia tudo que se passa aquii nessa maquina que tenho dentro da cabeça chamada de mente.

SARAU , vc já sabe quando vai fazer o próximo? Eu e Kiana estamos aguardando a nossa vez.

PS. Senti falta da Leticia nesse post.

Juliana!!! disse...

Ja q o assunto sao mulheres e ao ler lembrei do blog...

Hj no Suplemento FEMININO do Jornal "O Estado de SP" saiu uma reportagem de 4 fotografAs q tem destaque em diferentes segmentos.
As fotos q exemplificam seus trabalhos sao lindas!
Vale conferir!

Tots, me ensina "comofaz?" (bem interneteira hehe) pra desviciar de RECOMEÇO????

BJOS E BOA SEMANA A TODOS!!!!!!

Antonio Villeroy disse...

Passandinho por aqui antes de dormir.

Dia cheio esse domingo. Saí de casa com meu amigo e atual hóspede, o cineasta Renato Falcão, que mora em Nova Iorque, às 11 da manhã e só voltei agora. Almoço com gringos da Fox no Copa, reunião à tarde sobre novos projetos de filmes, jantar com o prefeito do Rio no Palácio da Cidade, junto com Cacá Diegues, cineastas estrangeiros, pessoal da Rio Filmes e os organizadores do Rio Festival e finalmente, já no avançado da noite, um encontro de músicos na casa do Gabriel Grossi e Bebê, com o privilégio de ouvir Yamandu, Hamilton de Holanda, Vitor Gonçalves, André Vasconcelos, Guto Wirti e Daniel Santiago.

Vou detalhar mais essas coisas em um ou dois próximos posts que serão dedicados à civilidade, responsabilidade social, cidadania, Rio 2016 e outras cositas mas. Também vou falar de um projeto chamado Rio eu te amo!

Gostei muito dos comentários que li.
Irinia, obrigado pelas suas palavras, pelo carinho de sua família comigo e por nos contar sua bela trajetória de vida. Essa harmonia que vocês conquistaram é muito bonita.

Angela, aos poucos vou lembrando mais e mais de você. Também fiquei feliz de lhe ouvir falar de suas vivências espirituais, sua vida aí na Ilha, seu retiro pro sítio e tudo mais. Vou me informar a respeito das dicas que você tem dado, de música, livros, florais, meditações, etc.

Karine, gostei do seu comentário e acho muito pertinente sua indagação a respeito dos ghost writers. A meu ver, aí há duas coisas distintas: uma, o talento de um escritor, outra, o uso que faz desse talento. Ser ou não ser genial é um aspecto que diz respeito às capacidades criativas de um artista, mas não sobre a forma como ele as administra. Há vários artistas que são geniais no aspecto criativo, mas não conseguem se sustentar sem lancar mão de certos expedientes nem sempre eticamente corretos. Eu particularmente nunca aceitaria um trabalho desses, mas sei de casos de músicos na Bahia que já venderam suas composições para artistas consagrados que não sabem compor. Fizeram isso por necessidade e houve casos de depois arrependerem-se vendo os resultados financeiros que a música alcançou. Importante dizer que a "mulher bomba" também não pegou o trabalho que lhe foi oferecido. Relatei o fato para enaltecer suas qualidades literárias e para contar pra vocês que essas coisas existem de fato . É como o pintor da novela da sete que, pra sobreviver, se vale do talento do macaco , um ghost painter, hehe.

Veluma, que bom que você gosta de Mariene. Beijo Partido é essa mesma que você mencionou, letra e música do Toninho. O Emílio Santiago é um excelente intérprete, tem uma voz de veludo, mas até onde sei nunca escreveu uma linha de música, não só dessa como de nenhuma outra. Ah! Obrigado por se interessar também pela Thaís, essa página pode ter esse aspecto de vez em quando.

Merci, Pia Fraus, por reaparecer com suas boas frases e imagens, você correndo pros braços de N.

Bárbara, bonito ver seu entusiasmo pelas idéias e pessoas que por aqui transitam.

Juliana, não ouvi falar nada de Bratuques em Sampa. Mas talvez, quem sabe.

Hannaly, esses óculos estão um charme.

Enfim, não conseguirei me referir a todo mundo. Sintam-se todos agradecidos.

Abraçones e beijones

Danielle disse...

Bom Dia Totonho, Bom dia pessoal...

Totonho,faltou vc citar meu nome...Danielle..fã recifense...rsrss....(brincadeira)..rsrs

Pegando arrego no comentário da Karine, vou dar o meu pitaco pq esse livro eu li...rsrs

Discordo um pouco com vc Karine quando tu diz que os ghost writers "topam trapacear o público leitor"...não acho que seja uma trapaça,tá mais pra uma omissão...rsr..No caso do livro, o personagem Jose Costa/Zsoze Kósta tem fascício por essa profissão...o dinheiro não lhe enche os olhos,ele se sente envaidecido por ver suas obras fazendo sucesso com nome de outros,ele gosta mesmo...vai entender né?Mas acontece.

Eu particularemente não me daria bem nessa profissão de ghost writer...não que eu escreva muito, mas do pouco que eu escrevo tenho um ciúme da bexiga...rsrs

Vale a pena ler o livro pra entender um pouco como é o universo dessa profissão e também pra aprender um pouco de Húngaro(mui difícil)..rsrs...

Beijos...

Hannaly Oliveira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Hannaly Oliveira disse...

Li Budapeste há pouco tempo. E acho esse lance de Ghost Writer bem complicado.. apesar de receber por isso, é o talento e o trabalho dele que estão ali, dando créditos pra outro.. é, pra mim, como se fosse uma parte dele que ele vende. Não sei se tenho pena deles ou se penso que são tão trapaceiros quanto quem contrata seus serviços..

Obrigada! Também acho um charme sua foto! :D hahaha

Beijones!

Anna Luna disse...

Antonio
lindo post, com tantas informações, ecléticas como você. Os comentários estão super interessantes também. Esse blog é mesmo culturalmente nutritivo e abre espaço para reflexões, questionamentos, opiniões ...

Tenho andado muito sem tempo, envolvida com trabalho e cursos, por isso não tenho comentado, mas sempre leio,aprendo e me divirto.

Que bom que sua música do filme novo fez sucesso. Não era de se esperar outra coisa. Ainda mais juntando com essas outras feras, João Nabuco e Eugenio Dale.

Boa sorte em seus novos trabalhos.
esperando news sobre o disco.

Beijos
Anna

Ana disse...

Boa Tarde pessoal!!!


Bom, ainda lendo o post destaco dois assuntos que adoro : cultura e Simone de Beauvoir!! rs

O primeiro foi tema da minha monografia de final de curso, onde falei sobre a pluralidade cultural e o currículo escolar. Pq privilegiar alguns grupos e sobrepor outros? Pq o currículo escolar prioriza certos assuntos e outros não? Quem escolhe o q vamos estudar? Quem diz q essa cultura é mais ipt q a outra? São inúmeras questões... ... E nessa tive que estudar os diversos conceitos de cultura q diversos autores concebem. Não tive tempo de ler "A interpretação das culturas" de Clifford Geertz, pois é um livro denso, cheio de informações e não havia tempo pra tamanho aprofundamento,mas o autor foi minha referência por se tratar de um grande estudioso da área. Para Geertz as imagens públicas do comportamento (cultural) são vistas como os mais eficazes elementos do controle social. Deste modo, a cultura é em parte controladora do comportamento em sociedade e, o mesmo tempo cria e recria este comportamento, devido ao seu conteúdo ideológico, impossível de ser esvaziado de significado, já que toda cultura possui uma ideologia que o embasa. Daí a discussão sobre quem elege os saberes nas salas de aula... e por aí vai... Ainda mais o Brasil, tão rico culturalmente...


Sobre Simone de Beauvoir eu adoro qndo diz "Não se nasce mulher: torna-se". O q tem a ver tb com cultura! rs Ela foi uma mulher a frente de seu tempo, não importando se seu pensamento é correto ou não, mas são e foram relevantes as ideias que trouxe a tona para serem refletidas e discutidas! Sua análise crítica sobre o papel das mulheres na sociedade foi de um salto imenso na época! Mulheres... hehehe eu adoro!


...


Uma dúvida, pro bratuques poderei comprar o ingresso na hora sem problemas???



Bjão
Te adoro
bjão pessoal

Bárbara disse...

Antônio, bonito é ver você sempre atencioso a nos responder...

Eu tenho 20 anos de idade (nascida no dia 01/12/88, mesmo dia que a nossa queridíssima amiga daqui- Thaís), sou sagitariana (gosto de citar meu signo, não sei por quê..rs), amo leitura, música e ouvir as pessoas.
Na verdade, eu costumo fazer isso com bastante frequencia. Costumo não falar muito ao conhecer alguém, porque assim eu tenho tempo suficiente para ouvi-lo e também porque, infelizmente, possuo uma espécie de timidez sempre quando conheço alguém.

Este blog proporciona-me e aflora bons sentimentos. As pessoas que transitam por aqui sempre têm algo precioso a dizer. Você é além de encantador e atencioso uma pessoa bastante interessante. Alguém que um dia pretendo conhecer.

Bratuques tá chegando, me dá até um nervoso só em pensar que talvés eu não possa ir. Faço estágio nas terças e quintas até às 19 horas no Andaraí. Esse dia será mais que especial, primeiro vou vê-lo cantar pela primeira vez e inesquecível, segundo que conhecerei Veluma, pessoa também muito encantadora e adorável.
Se aparecer por lá uma menina baixinha com uma mochila nas costas
e uma cara de cansada,porém bastante sorridente (já que meu apelido é sorriso lá no estágio..rs) serei eu! Ou caso eu consiga ser dispensada mais cedo apareço sem mochila e ainda mais feliz. Caso não aparecer, esperarei uma outra oportunidade.
Enfim, sonhadora como sou, sei que irei a qualquer custo!!!

Adorei o abraçones e beijones...kkkk....

Bjão a todos, um especial a você meu querido Antônio.

PS. Adoraria ver Veluma tocando berimbal...rsrs...Uma vez tentei tocar, mas foi um fracasso!

dinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ligia disse...

Querido Antônio! Sempre estou por aqui, lendo...
O tempo anda curto e nem tenho comentado.
Seus textos são ricos demais e portanto, exigem de mim e creio que de todos, um certo tempo para escrever. Para dizer "nada", eu leio e guardo pra mim.
Vim aqui só te deixar um beijo e dizer que você transformou esse blog num agradabilíssimo ponto de encontro.
Umas pessoas muito interessantes coversando.
Adoro os comentários da Hannaly, o mais impressionte é que li por aqui que ela só tem 16 anos.
Concordo com o que ela diz.
Num outro post, ela comentou que certas coisas que você fala a gente tem que ler e absorver e eu concordo.
Você é um poço de cultura. rs....Nunca vou me cansar de dizer isso. Estou sempre por aqui e com prazer.

E shows aqui no Rio? Vai ter esse agora em outubro, né? Vou tentar ir.
Finalmente entrei na faculdade e a vida anda bastante conturbada, mas vale à pena e é preciso.

Eu adoro você!
Um grande beijo e boa noite

Ligia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ligia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Helena disse...

Olá meus queridos!! Oi Villeroy!!

É uma honra poder estar recebendo tanta informação, através de post tão enriquecedor. Todos sempre fazendo comentários interessantes. É sempre possível aprender coisas novas.

Quando vc está envolvida na profissão, que lida com leis o tempo todo é preciso estar um pouco a frente, para enxergar com olhos mais sensíveis a realidade social e interpretá-las com humanidade e equidade.

Digo isso, pq a informação que obtive, através do seu post, me ajudou a perceber que a cultura é um somatório de diversas leituras. É importante olhar a lei, através da lente da filosofia, também. E conhecer obras de autores como: Schopenhauer, Albert Camus, Geertz e Sartre, dentre outros.

Com o estudo da filosofia, a interpretação das leis e a finalidade que elas buscam atingir, dá àqueles que tem o dever de interpretá-las, uma visão mais humana e justa, nos obrigando a adequá-las às mudanças socias.

Muito obrigada!! Espero um dia te conhecer e poder conversar com vc. Mas, se eu puder te ver cantar, somente, será D+!

...

Veluma,

Quero que saibas que essas pessoas queridas estarão sempre no seu coração. Vc já sabe, né! Elas te protegem. Pode parecer um pouco clichê, mas elas são, realmente, estrelas. Que de tão especiais, foram chamadas para brilharem e iluminar o seu caminho.


Bárbara,

Concordo com vc quando falas que esse espaço faz com que a cada dia que passa venha aflorar bons sentimentos e agrega mais conhecimento a todos. É um espaço muito valioso.

Ana,

Adorei seu comentário.Toda cultura é baseada em uma ideologia que, por sua vez fornece alicerce a liberdade de agir. Daí a ideia da cultura ser Direito Fundamental e todos terem pleno acesso. Vou escrever um artigo pra Pós-Graduação, baseado na importância da cultura musical brasileira. Foi show seu comentário. Valeu!!

Por fim, To teminando... Thais, não sei te ajudará esse meu comentário, mas já estive na mesma situação que vc, estava desempregada e precisa de estágio, pois sempre quis trabalhar em um grande escritório de advocacia.Fiquei por muito tempo tentando, enquanto trabalhava de auxiliar administrativo. Quase perdi a esperança. Detalhe na família não há se quer um advogado, juiz ou seja lá o que for ligado ao Direito. Somos eu e minha mãe. Foi bem difícil, mas consegui entrar para um dos maiores escritórios de advocacia do Rio e fui efetivada como Advogada. Se vc ainda, não obteve o que queria, não desista nunca!! Tenha foco e fé no que vc quer, pois todos os obstáculos que porventura possam aparecer ficarão invisíveis.

Chega! Falei muuuito.

Beijão!

PS:
Ana,

Os ingressos para o BRATUQUES estarão a venda uma semana antes do show (aguardado com ansiedade). A bilheteria do teatro, no dia do show, ficará aberta depois das 18:00hs. Quando fui ao show do João Bosco tinha gente comprando ingresso na hora.

Espero conhecer a todos!

Agora sim! Beijão!

Ana disse...

Boa tarde!!!

Helena q legal q vc gostou do meu coments. ! :-) E Valeu pelo PS do Bratuques!


Nos vemos lá!


Totonho, amei o "Reply" no twitter! Muito legal!!! Fiquei muito feliz! rs


Até!
bjs

Thais Pinheiro disse...

Bom eu queria agradecer ao Antonio primeiramente, a Veluma, a Ana,a Helena e a Barbara, Muito obrigado pelo carinho de vcs, pelos comentarios, agredeço de coração pela força que vc estão me dando.

bjss a todos
S2

Veluma Nunes disse...

Helena , muito obrigado pelas palavras, hoje eu tive um dia daqueles no trabalho. E estava realmente precisando ouvir ou ler palavras de carinho.
Hoje foi um dia daqueles que dá vontade de jogar tudo para o alto.
Fiquei com vontade de chegar pra minha chefe e falar :
" vai pra casa do ($%¨@&*%. )"
Tudo eu que tenho que resolver , tudo sobra pra mim . TUDO, TUDO.
Mas eu logo lembrei dos meus guias espirituais. Fechei a porta da minha sala, peguei meu fio de conta, e rezei. Pedii força pra continuar e paciência para aturar as atitudes das pessoas .

Lavei o rosto, me maquiei de novo, arrumei o cabelo, me olhei no espelho e falei:

" PODEROSA, VC PODE TUDO. ISSO É INVEJA, DESPEITO, CALÚNIA, OLHO GRANDE. ELES QUEREM TE VER ASSIM , MAS NÃO VÃO CONSEGUIR PORQUE VC É MAIS FORTE QUE TODOS ELES JUNTOS. AGORA MOSTRA QUE VC TEM TALENTO E QUE VC VEIO NO MUNDO PARA ARRASAR!"

Serviu e muito gente.
Quando acabei de falar isso tudo, logo mudei de ânimo. Eu estava me sentindo mais calma e mais segura.

Agora tô saindo pq são 20:35h e meu treino começa as 20:00.
Meu mestre vai me matar !

Boa noite gente e boa semana a todos.

PS : Antônio , o blog está cada dia melhor, mais cheio de pessoas alegres e contagiantes.
Asiim nóis vamos longe!

Beijos galera, amoo vcs.

veluma nunes disse...

Hannaly esse óculos tá um charme! [2]
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
Esse Antônio não é mole.
Eu marco a página da Hanna com meus comentários sobre suas fotos.
Arrasaaaaa loiraaaaa.

Juju , quando vc volta ao RJ?

Belle , cadê vc menina?

Leticia , sumiuuu !!

Veluma Nunes disse...

Gente , me segue ae no http://twitter.com/velumanunes

Antônio, me segue tbm , pq não consigo falar contigo.

beijocas

Bárbara disse...

Helena, hoje já estava 'esquematizando' uma fuga para ir ao Bratuques..rs...Ainda bem que vc tirou minha dúvida, certamente irei, agora é fato!
Valeu pelo PS do Bratuques![2]

Espero conhecê-los, todos que aparecerão por lá...Não sei como vou identificá-los, mas vamo que vamo...

Antônio, querido, me aguarde!...rs...Estou tão feliz pela decisão definitiva de ir...rs.

Thaís, não precisa agradecer, espero que dê tudo certo, tenho certeza que dará, deixa a nuvem passar e quando o sol raiar tudo volta a brilhar...rs :p

Veluma, não me lembre de twitter...EU NÃO SEI MEXER NAQUILO!!! rs

Um beijo grandão a todos e fica na paz pessoal.

Ligia disse...

Dando um intervalo nos estudos...rs...vim aqui para dizer as 03 que eu acho que deveriam tocar:

* Quero pegar - A M O essa música. Tem um balanço, uma coisa gostosinha. Baladinha encantadora. Adoro.
* Ela não sabe dizer adeus - linda letra, dispensa comentários.
* Música no Gravador - amada desde a primeira vez que te vi tocar. Se não me engano, foi no CCC em 2000 e alguma coisa. rs

=)

Mais beijos

Claudinha disse...

Olá pessoal!!!!!!!
A cada dia que passa tenho mais certeza de que nada é por acaso... Ando passando por um momento daqueles de total mudança na vida... mudança de conceitos, fechando ciclos..... abrindo outros.... É engraçado pq tô me sentindo seguracomo não sentia há tempos...independente....dona de mim.... mas ao mesmo tempo me sinto um pouco perdida... com mil vontades e pouca coragem.

De repente me deparo com esses relatos de vcs aqui no blog, e é como se cada comentário fosse uma mão estendida me convidando a uma nova jornada!

THAIS, foi ótimo vc ter falado da sua vida! Você não apenas dsabafou algo que te sufocava como tb acrescentou coisas vida de todos que tiveram a oportunidade de ler! Olha, apesar dos problemas, siga seu coração.... não entregue os pontos (clichê né, mas é isso mesmo!) Essas situações dificeis sempre trazem junto o crescimento (a poda da árvore!).Sobre a questão de estar desempregada, pode ter certeza que algo mto bacana aparecerá no momento certo, continue batalhando! E se deseja trabalhar com música invista! Digo isso pois sou de família de músicos natos, mas infelizmente não herdei o dom....mas a música é minha vida, porém de forma passiva... desde criança minha brincadeira favorita era "brincar de cantora"...rs... a assim até a adolescência....entretanto não sei pq cargas d´água e tb por falta de incentivo da família acabei deixando pra lá e "vivendo uma vidinha normal"...

Hj acho q seria mais feliz, ou ao menos mais realizada se tivesse segudi meu coração ... Atualmente estou tomando coragem para me aproximar do mundo musical de forma mais ativa... começarei aula de canto e estou fazendo aulas de violão... mas sei lá...às vezes bate um mega desânimo....acho q estou muito velha pra começar....

Não sei , mas estou sentindo mto forte que preciso me aproximar das artes...sempre gostei desde pequena, mas me condicinei a viver nesse mundo normalzinho e sem cor ... mas não aquento mais essa vidinha... falta algo e tenho certeza que é isso.

Quando adolescente fazia teatro e fiz dança do ventre até 3 ano atrás... e como a ANGELA disse realmente a dança faz muuuuuito bem....

Agora fico no dilema, pois tenho mais facilidade pra tatro, dança....mas minha paixão é a música (q não tenho dom nenhum!!!!!Pelo menos do violão tô apanhando horrores!!!!)

Fico triste qdo olho pra tras e vejo que aquela garotinha cheia de potencial se transformou numa pessoa sem cor....

Agora a cor está voltando dentro de mim, mas a corgem de botá-la pra fora está vindo devagarinho.... ENTÃO THAIS, BUSQUE SUA FELICIDADE independentemente do que os outros dizem... se vc sabe que a música te faz bem VIVA-A!

E outra coisa.... seu relato abriu espaço para vários outros, percebeu?

Inclusive eu acabei fazendo um super desabafo agora....parece q isso tava entalado em mim sabe....

VELUMA, força pra vc viu e para a sua avó.... tb sou espírita, hj tenho uma visão bem diferente da morte...mas qdo se trata de pessoas próximas é foda.... vc é mesmo uma pessoa elevado, pois eh como vc disse, com certeza sua tia está bem melhor....

TOTONHO, ter conversado com vc aquele domingo após o meu término ao som de 2 Bicudos foi algo mágico... não sei explicar mas vc me transmitiu paz e força e graças a Deus tudo q está acontecendo atualmente tem me dado forças ao invés de tristeza... os horizontes estão se ampliando... Você é realmente uma pessoa iluminada,que atras pessoas iluminadas que se reunem aqui no BLOG!

Beijos a todos!!!!

Claudinha disse...

HANNALY, heeeeelllllpppp!!!!
Tô tentado colocar fotinha aqui, mas não tá dando certo :/

VELUMA, já to te seguindo no twitter :)

bjos a todos, aliás...BEIJONES :**** hehehehe

Hannaly Oliveira disse...

Claudinha, se você estiver logada no seu blog, vai aqui:
http://www.blogger.com/home

ou, vá até o seu blog e cliquei na barra superiosr no link 'Painel' (de qualquer forma você vai parar no mesmo lugar). Lá você encontra um link 'Editar sua foto', ou, como você não tem uma, pode ser que esteja escrito 'adicionar uma foto' , seleciona a foto e faz o Upload.

Se não conseguir dá um berro em alguma das minhas redes q a gente faz isso! :-)

Beijones! :D

Juliana!!! disse...

Totonho e pessoal,

Acabei de chegar do evento VALEU, PROFESSOR da Prefeitura de SP que teve o show do Milton Nascimento... Nem preciso comentar o quao maravilhoso foi, né! Milton APAVORA!

Ao anunciar a banda, logo imaginei que GASTAO estivesse lá (em algum momento anterior, vc citou esse fato)... E sim, la estava o Gastao! Bacana ter visto o Gastao com o Milton (ja tinha visto com vc e com a Gadu), ate pq ele tbm faz vocais durante o show... Fiz alguns videos e vou escutar aqui depois!
Na BATERA estava tbm o Linlcon Cheib (q fez SInal dos Tempos tbm, né?)

E por falar em MULHERES, Milton fechou o evento VALEU PROFESSOR com MARIA, MARIA... Sugestivo, nao???? (Nos, professores, somos praticamente mulheres)

BJAOOOOO!!! (ja q BJONES é propriedade da Hanna e ainda nao fiz uso-capiao kkk)

Juliana!!! disse...

Outra coisa IMPORTANTISSIMA!!!!!!

HJ é o DIA DO COMPOSITOR... PARABENS, QUERIDO TOTS q além de tudo é compositor!!!!!

Helena disse...

Olá, Pessoal!
Oi, Querido Villeroy!

Estive na projeto Bratuques ontem e testemunhei um dos maiores encontros entre dois grandes músicos João Carlos Assis Brasil e Marco Lobo.

Villeroy, na minha modesta opinião foi o ponto alto do show. Com todo respeito ao Torcuato Mariano que ARRASA,também,ao violão.

O talento, ao piano, de João Carlos É DESCONCERTANTE, ARREBATADOR e o Marco Lobo tocando berimbau, foi MARAVILHOSO. Nunca pude imaginar que dois instrumentos tão diferentes pudessem estar juntos com tanta harmonia e leveza. A música brasileira em sua mais nobre execução. FOI TÃO PERFEITO QUE NÃO PRECISA DE ENSAIO. TUDO NO IMPROVISO.

Para finalizar Jorge Vercillo cantou INVISÍVEL, DEVANEIO e LIGIA, já com todos tocando juntos.

Como disse Vercillo:"... que bandinha é essa que o Marco Lobo foi arrumar, só tem BANDIDO!!" Eu ainda completo, a QUADRILHA MAIS PERFEITA DE BANDIDOS MUSICAIS. TODOS DA MAIS ALTA PERICULOSIDADE ...MUSICAL. A QUADRILHA DO BEM!!

Fui para casa em estado de graça, com a alma e coração leves, me sentindo uma pessoa super privilegiada por estar vendo e ouvindo músicos perfeitos. Seria interessante que esse projeto fosse para outros Estados e mais pessoas pudessem valorizar o nosso maior patrimônio cultural que é a música brasileira.

Me aguarde dia 20/10!! Estarei lá para te ver cantar e, se tiver a chance, de falar com vc, também. E, claro, conhecer a todos do Blog.


Beijão!!

...

Veluma,

Só faltou vc e sua performance no berimbau!!!...rsrs.

Juliana!!! disse...

Totonho, Helena e pessoal...

"Seria interessante que esse projeto fosse para outros Estados e mais pessoas pudessem valorizar o nosso maior patrimônio cultural que é a música brasileira" (2)

Helena, APOIADA!!!!!!!!!!
Q tal começar pelo SESC SP??????? Sou super a favor! kkkk

BJAO!

Belle disse...

Bom dia Antonio e pessoal!

Passando só pra dar sinal de vida...estou meio ausente devido a alguns acontecimentos e compromissos....

Assim que puder estarei de volta por aqui! Sinto falta...

Grande beijo,
Isabelle.

Pia Fraus disse...

passando para ver o que a camêra filmou... depois volto...
bjo a todos/as

veluma disse...

JULIANA , adorei a informação de que ontem foi dia do compositor.
PARABÉNS ANTÔNIO!
Eu não sabiaa dissoo ! rs
E, to louca pra saber o que a camera anda filmando esses dias.

Ah , dia 20 tem gravação do DVD da Preta com participação da Ana no RJ. Na the Week . Vcs tão sabendo?
Vai ter gente dividido entre Bratuques e noite preta c/ Ana.

beijoooooos;

Hannaly Oliveira disse...

Eu, pelo menos, sei direitinho pra onde vou! hahaha :-P

AMANDACAMPOSAC disse...

OLÁ VILLE

TD BEM?TÁ SUMIDO DO BLOG,VAI TER POST NOVOOOOO?

BEIJUUUSSS

VELUMA TÔ SABENDO DO SHOW DA PRETA COM A AC NA THE WEEK DIA 20/10!!!!!!!O PESSOAL VAI FICAR DIVIDIDO MESMO

SERÁ Q CONSIGO IR NOS DOIS DEPENDENDO DA HORAAAAAAAA!!!!!!!!!RSRSRS

HANNALY,+ UMA VEZ OBRIGADA PELAS DICAS NO TWITTER,VC TEM ME AJUDADO BASTANTE

AMANDACAMPOSAC disse...

BEIJUUUSSS PARA TODOSSSSS

JULIANA,VI SUAS FOTOS NO ORKUT DO MILTON NASCIMENTO,ÓTIMAS!!!BJS

MUDEI MINHA FOTO DO BLOG?GOSTARAM???

AMANDA CAMPOS - AC

AMANDACAMPOSAC disse...

VILLE

POSSO CHAMAR VC ASSIM?
PARABÉNS PELO DIA DO COMPOSITOR ONTEM(07/10)!!!!!!!!!!!BEM LEMBRADO JULIANAAAAAAAAA

BEIJUUUSSS

Kiana_Nursing disse...

Oi Totonho!!!

Oi Genteee!!!!

Passando por aki,p deixar meu "oi" e meu xerãooo tb...

Tô sumidinha ne?
mas sempre venho ler esses post's maravilhosos do Totonho.

"Coisas" da vida,estao me impossibilitando de comentar...ando mto atribulada ultimamente...Enfim,hj dei uma paradinha aki e me atualizei sobre os assuntos discorridos,e cmo sempre,discussões pertinentes e apreciar essa leitura saborosa é mto bom p nosso enriquecimento pessoal.


xerãoooooooooo da sua fã potiguar,
Totonho =*